Início Locais Câmara de Patos encerra legislatura com entrega de título de cidadão patoense...

Câmara de Patos encerra legislatura com entrega de título de cidadão patoense e comenda

Jornalista, Paulo Costa recebe Título de Cidadão Patoense

A Câmara de Vereadores de Patos encerrou essa legislatura na última sexta-feira, 23, com uma sessão solene que entregou títulos de cidadão patoense e comenda Dom Expedito Eduardo de Oliveira concedidos a pessoas que exercem atividades sociais na cidade de Patos.

A propositura foi de autoria da vereadora Cláudia Leitão (PR) e da Vereadora Nadir Rodrigues (PMDB).

Receberam os títulos de cidadão patoense, o delegado da Polícia Civil, Rônis Fernandes Feitosa, e o jornalista, Paulo Francisco Costa. As comendas foram entregues ao Padre José Ronaldo Marques, pároco da Catedral de Nossa Senhora da Guia; a Maria das Graças Silva, coordenadora da Casa da Misericórdia e voluntária da Fazenda da Esperança; Padre João Saturnino de Oliveira, Presidente da Ação Social Diocesana de Patos (ASDP); Leidiane Santos da Silva, responsável local da Comunidade Católica Shalom; Irmã Aparecida Graciele da Costa, Congregação das Filhas do Amor Divino e diretora do Colégio Cristo Rei; a Irmã Áquila Vieira de Lucena; a João Victor Fernandes Nogueira, Fundador do Projeto Madre Teresa de Calcutá e a Maria Madalena Góes, tesoureira da Fazenda da Esperança e da Associação do Câncer (APPC).

Para Cláudia Leitão, as comendas e títulos representam um trabalho reconhecido na cidade de Patos. “A importância primeira é reconhecer um belíssimo trabalho que essas pessoas fazem à frente de suas entidades que prestam serviços valorosos às famílias em vulnerabilidade social”, disse.

A Irmã Áquila Vieira, destacou a satisfação de receber a Comenda Dom Expedito Eduardo de Oliveira.

“Eu recebi com um misto de alegria e de amor porque filha dessa terra e depois uma longa vida. Eu vejo reconhecida uma geração imensa que me formou desde a minha família, os meus professores. Eu fui aluna do grupo escolar Rio Branco, do Colégio Cristo Rei de onde parti para o mundo enquanto religiosa e terminando minha missão há poucos anos na África. Então, pude honrar o nome de filha de Patos pelo mundo a fora”, garantiu.

O jornalista Paulo Costa, da TV Correio, natural do Rio de Janeiro, há 35 anos mora em Patos onde constituiu família. Aos 11 anos de idade ele foi o primeiro garçom mirim de Patos e receber o título de cidadão patoense representa um sonho realizado. “Pra mim é um sonho realizado (…). Aqui eu cresci, casei, estudei, me formei, constitui família e amo demais essa cidade”, afirmou.

O delegado Rônis Feitosa é natural de Iguatu-CE e reside em Patos há oito anos juntamente com sua família.

“É uma felicidade imensa e agora me sinto, de fato e de direito, um filho de Patos.  Sou cearense e hoje recebendo esse título de cidadão patoense me sinto cem por cento um cidadão de Patos. Esse cargo de delegado é um cargo importante e que sinto que nasci para ser delegado e que vou exercer para minha vida inteira”, comemorou.

A Sessão Solene foi presidida pela então presidente da Casa, Nadir Rodrigues, que foi autora das comendas que homenageou o Padre João Saturnino, representado pela coordenadora pedagógica da Rede Movendo Cidadania, Acilina da Silva Candeia, a Madalena Góes e ao delegado Rônis Fernandes Feitosa.

Estiveram presentes na solenidade o prefeito interino de Patos, Lenildo Morais (PT), a Tenente Cristina que representou o comandante do 3° BPM, Tem. Cel. Francisco Rubens Campos, familiares e amigos dos homenageados e imprensa local.

maispatos.com

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!