Início Locais Criança grava vídeo cobrando reforma em sua escola em Patos. Vídeo

Criança grava vídeo cobrando reforma em sua escola em Patos. Vídeo

Um apelo emocionante de um aluno da Escola Municipal Senador Humberto Lucena, localizada na Rua Natanael Negreiros, bairro José Mariz, em Patos, chamou a atenção. O garoto, que não se identifica, pede ao prefeito Dinaldo Filho que olhe mais para sua escola, pois a estrutura está totalmente precária e sem condições dos alunos estudarem.

Nas imagens é possível ver que o muro principal da Humberto Lucena está  deteriorado e a situação ainda pior está por dentro. Atrás da escola o muro caiu e a única coisa que se vê é mato e lixo.

Em maio de 2017, já nesta gestão, a presidente da Associação Comunitária do José Mariz, Cledijane Alves Lopes Diniz, denunciou com outros moradores da comunidade, as condições da parede traseira da escola. “Como se não bastasse, os moradores ainda enfrentam um grande esgoto a céu aberto nas proximidades do SESC Patos e da construção do Santuário Nossa Senhora do Perpetuo Socorro”, disse ela.

Naquela época os moradores também reclamavam de um esgoto a céu aberto por trás da escola. A moradora Francinalda dos Santos fala sobre esses problemas: “A gente sofre muito aqui com muriçoca e com mau cheiro de esgoto”.

Já ano passado, a comunidade já apontada o risco da infraestrutura da escola desmoronar. “Uma parte da parede da escola corre o risco de desmoronar sobre as crianças que brincam na área, que já matou cobras e caranguejeiras no local e que os moradores jogam lixo por trás da escola” dizia Francinalda.

Nas imagens feitas pela criança agora é possível verificar que nada foi feito e o muro continua sem ser reconstruído.

A direção informou que foi enviado ano passado um ofício para a Secretária de Educação, na gestão atual, e que aguarda que seja realizado um orçamento para que se possa reconstruir o muro.

A pedagoga Cledijane Alves fez uma reivindicação ao prefeito: “Venho mais uma vez pedir ao prefeito Dinaldinho para ele olhar para o nosso bairro, principalmente quando se refere à educação. Falei com ele no Orçamento, no Residencial Itatiunga, e pedi pra ele olhar a escola Humberto Lucena, que a parede havia caído e ele falou que a secretária Alana Candeia iria conferir o problema para dar uma solução. Estamos aguardando uma solução. A escola já é pequena, o espaço já é pequeno, e vai diminuindo o espaço da criançada brincar”.

Veja o vídeo:

 

Portal 40 Graus

 

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!