Início Política Em Campina Grande, Bolsonaro diz que não irá polemizar com ex-presidente Lula

Em Campina Grande, Bolsonaro diz que não irá polemizar com ex-presidente Lula

Imagem: Reprodução.

Em Campina Grande, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse que não iria polemizar com o ex-presidente Lula, libertado da prisão na última sexta-feira (8), após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que declarou inconstitucional a prisão de condenados em segunda instância. “Não vou polemizar com condenado”, disse ele após ser indagado pelo repórter Maurílio Júnior, do Portal Mais PB.

Em seu primeiro discurso após ser solto, Lula afirmou que Bolsonaro governa para milicianos, mas o presidente disse que não responderá às acusações. Ele também não quis falar sobre a PEC que vai analisar a prisão em segunda instância no Congresso
Nacional. “Eu não voto e o parlamento tem completa independência”.

Sobre as ações do governo, o presidente disse que a prioridade “é concluir as obras, e não começar nada novo”.

Ao lado do ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto; do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues; do líder da bancada federal, Efraim Filho; e de várias outras autoridades, o presidente evitou comentar a ausência do presidente do PSL na Paraíba, o deputado federal Julian Lemos, que costumava ser um de seus maiores aliados.

O deputado paraibano, porém, tem estado em atrito com os filhos do presidente e declarou que não participaria do evento, que conta da presença de políticos envolvidos em acusações de corrupção.

ClickPB

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!