Início Saúde Hospital de Patos registra mais de 40 mil atendimentos de janeiro a...

Hospital de Patos registra mais de 40 mil atendimentos de janeiro a outubro

A demanda de atendimentos no Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, de Patos, tem aumentado. Em outubro, por exemplo, a unidade, que integra a rede estadual de serviços, teve o maior número de atendimentos dos últimos anos, tanto no setor de Urgência e Emergência, quanto no Ambulatorial.

No primeiro semestre, a média de atendimento/mês foi 2.974, agora essa média está em 3.386, o que representa um aumento de 12%. O relatório de prestação de serviço da unidade aponta que entre o dia 1º de janeiro e 31 de outubro último, o Complexo realizou 40.387 atendimentos, 2.996 cirurgias, 5.482 internações, 40.718 exames laboratoriais e mais 41.323 exames radiológicos em seu Centro de Imagem.

Segundo a diretora geral do Complexo, Liliane Sena, de fato, houve um aumento na demanda para a unidade, contextualizado por alguns motivos, entre os quais destacam-se a ampliação de casos por problemas respiratórios e do alto índice de acidentes. “Registramos muito acidentes este ano, não só em Patos, mas em toda a região que somos referência, além disso houve questões pontuais como a da incineração do lixão da cidade, que provocou um aumento no número de casos por problemas respiratórios e isso tudo reflete na nossa demanda”, explica Liliane.

Referência para mais de 80 municípios da região do Sertão, o Complexo registrou 31.388 atendimentos de urgência e emergência nos primários dez meses deste ano e mais 8.999 atendimentos ambulatoriais, totalizado 40.387 atendimentos nesse período. Das 2.996 cirurgias realizadas entre janeiro e outubro, a maior parte delas foi de procedimentos ortopédicos, com 1.394 casos, seguido de cirurgias gerais, com 688 registros, e 422 casos de cirurgia oncológica, este último, porque os procedimentos oriundos do Hospital do Bem são realizados no Regional, já que a unidade oncológica integra o Complexo Hospitalar.

Dados do relatório de serviços prestados pelo Complexo apontam ainda que das 5.482 internações realizadas entre janeiro e outubro último, a grande maioria delas foi na Clínica Média, com 2.672 casos, seguido de demandas da ortopedia, com 1.442 internações e de cirurgia geral, com 685 casos. Neste período, o Complexo realizou ainda 40.718 exames laboratoriais, em uma média de 4 mil exames/mês e mais 41.223 exames radiológicos, dos quais 21.508 foram Raio X, 12.907 foram Tomografias, 5.473 foram Ultrassons e Ecocardiograma, 758 Endoscopias e mais 558 Colposcopia. No Centro de Imagens do Complexo foram feitas ainda 81 Colonoscopias, 31 Ressonância Magnética, seis Cintilografias e ainda uma Broncoscopia.

A diretora geral do Complexo reforça a importância da unidade para a população da região. “Pelos dados aqui apresentados, a gente já pode mensurar o quão fundamental é a prestação de serviços do Complexo para a população de Patos e dos municípios para os quais somos referência. São inúmeros procedimentos, atendimentos e serviços que reforçam o compromisso que temos na prestação de um serviço tão essencial à população”, finaliza Liliane.

SECOM

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!