Início Locais Bebê sofre de doença rara, será submetido a cirurgia de medula óssea,...

Bebê sofre de doença rara, será submetido a cirurgia de medula óssea, e pais pedem ajuda, em Santa Luzia

O senhor Leonardo Luiz Vicente, funcionário de uma empresa de distribuição de gás, e sua esposa Alidiene  Wellyta Souto Santos, dona de casa, residentes no Conjunto Inácio Bento, em Santa Luzia, estão vivendo uma situação muito difícil desde o nascimento, há seis meses, de  Luiz Gustavo Souto Vicente, terceiro filho do casal.

Com dois meses de nascido foi diagnosticado que o pequeno Luiz Gustavo é portador de Osteopetrose, uma doença rara que fragiliza os ossos e provoca problemas irreversíveis de saúde, como cegueira, surdez e frequentes fraturas (ele já teve três fraturas). Ele também tem anemia constante e a cada 14 dias precisa ser submetido a transfusão de sangue.

O bebê é acompanhado  a cada 15 dias por uma hematologista da cidade de Natal e terá que ser submetido a uma cirurgia de medula óssea, que deverá acontecer em Curitiba ou São Paulo. A cirurgia deverá acontecer pelo SUS, mas a família está na luta por recursos, uma vez que todo o tratamento demanda, consultas, avaliações, além disso o leite que ele toma é muito caro (R$ 65,00 a lata, e são quatro latas por mês).

Os pais estão pedindo ajuda em dinheiro e desmobilizando uma conta para quem puder depositar alguma quantia.

Caixa Econômica Federal

Agência: 3485

Operação: 013

Conta Poupança: 3067-6.

Titular: Leonardo Luiz Vicente

Contato: (083) 9.9638-8625.

Veja abaixo o apelo da mãe nas redes sociais:

“Olá amigos e amigas.

Hoje venho aqui pedir ajuda a todos vocês.

Quem puder ajudar meu filho Luiz Gustavo, de apenas 6 meses, que foi diagnosticado com uma doença rara, osteopetrose.

Essa doença é muito cruel. os ossos do meu filho se quebram com facilidade , ele pode ficar com paralisia facial, perder a visão ,perder a audição  e ficar com má-formação.

Minha gente ele precisa fazer um transplante de medula  óssea urgente.  Como a doença é rara, esse transplante só faz em Curitiba  ou em São Paulo.  Vou ser transferida pra Curitiba.  Vou ficar três meses com ele fazendo acompanhamento até ele poder fazer o transplante.

Meus amigos é muito gasto. Meu marido não tem condições. Ele trabalha, ganha um salário, mas o leite do meu filho é caro, custa 60 reais. Não faz nem trinta dias e já vou comprando mais de 5 latas. Tenho mais duas crianças, uma de 4 anos e outra de 2 anos.

Peço a cada um de vocês: quem puder e quiser ajudar, qualquer valor é bem-vindo. Que Deus possa dar em dobro a cada um que ajudar.

Está sendo muito difícil passar por tudo isso, mas meu filho vai vencer porque Deus quer e Deus pode.

Vou deixar o número da conta do meu marido para quem puder ajudar:

Caixa Econômica Federal

Agência: 3485

Operação: 013

Conta Poupança: 3067-6.

Titular: Leonardo Luiz Vicente

Contato: (083) 9.9638-8625.

Folha Patoense – folhapatoense@gmail.com

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!