Início Gerais Poeta Zé de Vital é sepultado sob forte comoção em Itapetim-PE

Poeta Zé de Vital é sepultado sob forte comoção em Itapetim-PE

Faleceu na última quinta-feira (16), o poeta itapetinense José Vital de Siqueira, conhecido como Zé de Vital. Ele tinha 75 anos e era natural do Distrito de São Vicente em Itapetim, onde foi sepultado na manhã da sexta-feira (17). A causa da morte não foi informada.

Zé Teimoso, como também era conhecido, não era cantador de profissão, mas fazia versos por distração, a exemplo dessas estrofes tiradas do livro “Itapetim: Ventre imortal da poesia”, de Marcos Nunes e Saulo Passos. Leia abaixo:

I

A LUA TEM ENERGIA

QUE CLAREIA O MUNDO EM PESO

SÓ MOSTRA O FAROL ACESO

DEPOIS QUE TERMINA O DIA

É QUANDO ELA PRINCIPIA

DÁ O SEU EXPEDIENTE

É UM PLANETA REGENTE

QUE SE VÊ LÁ NA ALTURA

SÃO JORGE MOSTRA BRAVURA

NUM CLARO QUE NÃO É QUENTE

II

O RETRATO DA SECA NO NORDESTE

É VAQUEIRO A ASSAR MANDACARU

A ROLINHA DEIXANDO O PAJEÚ

E A FLORESTA PERDENDO A SUA VESTE

RETIRADA SAINDO PRO AGRESTE

PROCURANDO UM LUGAR COM ÁGUA E PÃO

FALTA ÁGUA NO PRÓPRIO CACIMBÃO

O CAÇOTE DE SEDE VAI MORRER

SE PASSAR MAIS TRÊS ANOS SEM CHOVER

VAI FICAR POUCA GENTE NO SERTÃO

III

OUVI UM GRITO DE AÇÃO

LÁ NA BEIRA DO VARJADO

DE UM PÁSSARO ANIMADO

FUI OLHAR ERA UM CARÃO

CUMPRINDO A SUA MISSÃO

A ORDEM QUE DEUS LHE DEU

ALI, LHE PERGUNTEI EU

O QUE ME TENS A DIZER?

DISSE ELE: VAI CHOVER

MUITO MAIS DO QUE CHOVEU

IV

O PREÁ EXPERIENTE

FAZ A SUA MUTAÇÃO

PARA O MAIS ALTO TORRÃO

ONDE NÃO PASSA A ENCHENTE

EM UM OCO DIFERENTE

ELE FAZ A MORADIA

QUANDO VEM A CHUVA FRIA

MOLHANDO A CAPA POR FORA

MAS POR DENTRO ONDE ELE MORA

PODE CHOVER NOITE E DIA

Há versos de Zé de Vital também no YouTube publicados por Bernardo Ferreira (Bisaco do Doido). Assista clicando no link: Vou tangendo um rebanho de saudade pra trancar no curral da solidão

João Paulo Pereira – Repórter do Sertão

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!