Início Locais Sindicalista defende paralisação dos ACS e ACE de Patos

Sindicalista defende paralisação dos ACS e ACE de Patos

O sindicalista José Gonçalves, vice-presidente do SINFEMP (Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região), defende a paralisação de todos os agentes comunitários de saúde e agentes de combate as endemias no sentido de pressionar a gestão municipal para pagar imediatamente o incentivo adicional no valor de R$ 1.250,00 assegurado pela lei Municipal 4.983/2018.

Para Gonçalves nada justifica esse atraso pois a Prefeitura está com o dinheiro em caixa desde o mês de dezembro e já deveria ter pago as duas categorias no dia 30 de dezembro de 2019 e no entanto se nega a cumprir o que determina a lei.

O SINFEMP pretende entrar ainda hoje com uma ação na Justiça Federal contra a Prefeitura, para que seja imediatamente bloqueado esses valores e assegurado o pagamento.

A entidade tem reunião na próxima segunda feira, dia 27 de janeiro, as 16 horas na Associação Comercial de Patos, onde devem deliberar greve por tempo indeterminado, devido a postura da gestão com os servidores, com atraso de salários, não entrega de EPI, aumento da jornada de trabalho, retirada de direitos, redução do adicional noturno, falta de condições de trabalho, dentre outros.” Nada justifica o não pagamento do incentivo pois o dinheiro chegou e tem lei assegurando isso e os ACS e ACE tem dois caminhos a seguir: fazer a luta ou esperar a boa vontade do gestor. O SINFEMP seguirá o primeiro caminho”, disse o sindicalista.

 

Sinfemp.com 

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!