Início Locais População de Patos ignora risco do coronavírus e se aglomera para ver...

População de Patos ignora risco do coronavírus e se aglomera para ver sangria do Açude Jatobá. Vídeos

Nem o risco eminente de contágio e proliferação do novo coronavírus foi o bastante para impedir que dezenas de pessoas fossem até o Açude Jatobá, em Patos, ver a sua sangria que ocorreu na tarde desta quinta-feira (23), por volta das 15 horas, após 11 anos que isto não era registrado.

Ao passo que a notícia do transbordamento foi se espalhando ia chegando mais gente, sejam adultos, velhos ou crianças, a maioria sem máscaras de proteção sem que tivessem a noção do risco que estavam correndo.

Apesar de Patos já ter 8 casos confirmados da Covid-19, com dois destes evoluindo para óbito, o que as pessoas mesmo queriam era acompanhar o espetáculo e disputarem um espaço no pequeno sangradouro do manancial.

A Polícia Militar esteve no local e orientou as pessoas que não se aglomerassem, que fossem para suas casas, em virtude da pandemia de coronavírus. Uns atenderam e saíram logo do local. A aglomeração foi dispersa.

E de repente, tudo se formou novamente. Lá estava a multidão tomando banho e correndo o mesmo risco. Até o ex-vereador Assis, pré-candidato a vereador, foi até o local, apenas com proteção contra os raios solares, e fez um vídeo sem preocupação nenhuma com a doença, dando um péssimo exemplo a população. Veja:

Além da Polícia Militar, a Defesa Civil também esteve no local tentando conscientizar as pessoas.

A Justiça local, atendendo a um pedido da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB Patos), já havia proibido o banho na Barragem Farinha quando esta sangrou pela primeira vez. Naquela época, Patos tinha apenas um caso confirmado da doença e um óbito.

A OAB fazer entrar com o mesmo pedido de liminar de tutela antecipada para que seja feita a proibição também no Açude Jatobá.

Vicente Conserva – Portal 40 Graus

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!