Início Gerais Em pleno ‘lockdown’, manisfestantes protestam contra Covid-19 e uso de máscaras no...

Em pleno ‘lockdown’, manisfestantes protestam contra Covid-19 e uso de máscaras no Maranhão: ‘Deus não se agrada de medrosos’

Centenas de pessoas estavam na passeata e circularam em protesto pelas dua cidades — Foto: divulgação

Em pleno ‘lockdown’ municipal, uma passeata contra o novo coronavírus com centenas de pessoas foi realizada nesse domingo (31) entre os municípios vizinhos de Santa Helena-MA (que está com decreto em vigor de ‘lockdown’ – confinamento obrigatório) e Turilândia-MA, que fica a 160 km de São Luís-MA. Uma multidão se aglomerou pelas ruas das cidades, sem máscara e no final do protesto ainda fizeram uma cerimônia de queima de máscara, item obrigatório nas cidades e em todo estado do Maranhão por decreto.

Utilizando um carro de som, um homem convidava pessoas para participação, pediam que tirasse as máscaras e as queimassem. A multidão atravessou as duas cidades, alguns utilizando veículos e maioria em caminhada.

“Jesus não quer ver ninguém mascarado, Deus não se agrada de medrosos”, dizia um dos manifestantes.

Máscaras foram queimadas ao fim da manifestação — Foto: divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde de Santa Helena disse que não houve qualquer participação da prefeitura na manifestação e que nesse fim de semana o município entrou em ‘lockdown’ por meio de decreto. Afirmou que desde o início da pandemia vem seguindo todas as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde, sobretudo no que diz respeito as aglomerações de pessoas. Disse ainda que o jurídico da prefeitura de Santa Helena estuda como proceder em relação aos organizadores do que chamou de “triste evento”.

Entramos em contato com a Prefeitura de Turilândia e com o Governo do Estado do Maranhão, mas não obtivemos retorno.

Em nota, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Santa Helena disse que não teve participação e não está de acordo com a manifestação da forma como foi realizada, pois a mesma está indo contra todas as recomendações dos órgãos competentes de saúde, visto que coloca em risco a vida das pessoas, como, por exemplo, o não uso da máscara de proteção e aglomeração de pessoas. Ainda na nota, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus diz que espera que as autoridades competentes tomem as devidas providências, pois “estamos cumprindo as decisões das mesmas e não compactuamos com o ato desregrado e desprovido de qualquer senso de responsabilidade humana e cristã”, publicou.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde do Maranhão em boletim divulgado na noite desse domingo (31) Santa Helena tem 51 casos e Turilândia 104 do novo coronavírus. Ambas as cidade registraram uma morte cada da Covid-19. O Maranhão tem 35.297 casos e 976 óbitos. Dos 217 municípios do estado 211 registraram a doença.

G1 MA

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!