Início Locais Em plena pandemia: projeto que visa descontar 14% nos contracheques dos servidores...

Em plena pandemia: projeto que visa descontar 14% nos contracheques dos servidores municipais chega à Câmara de Patos e causa polêmica

Um projeto polêmico chegou nesta quinta-feira (4) à Câmara Municipal de Patos. O projeto que visa altera a alíquota de desconto do INSS dos atuais 11% para 14%, caso seja aprovado.

Essa informação caiu como uma bomba nas vidas dos servidores municipais, pois eles já vivem no aperto financeiro com toda essa crise porque passa o município de Patos. Caso seja aprovado, o projeto de Emenda Constitucional, ou seja, a PEC de número 103/2019, e ainda na Portaria 348/2019, do Ministério da Economia, o desconto passará de 11% para 14% nos seus contracheques.  O país vive uma crise financeira, e Patos não é diferente com toda a problemática da Pandemia da Covid-19, ainda mais essa má notícia para os trabalhadores. Tudo isso tem provocado preocupação e revolta nos servidores.

A presidente Tide Eduardo falou para a imprensa patoense.  Para esclarecer sobre a emenda nº 15/2020, de autoria do Poder Executivo, que visa o aumentar  a contribuição previdenciária dos servidores municipais para 14%.

“Essa portaria diz o seguinte, que o valor mínimo de todos os institutos de previdência do nosso país deve cobrar no mínimo 14% da alíquota. Então, todos os municípios que têm o instituto de previdência, eles têm que se adequar até o dia 31 de julho deste ano”, garantiu a vereadora.

O projeto foi enviado pelo Poder Executivo à Câmara Municipal.

O Blog do Jordan Bezerra entrou em contato com o prefeito interino de Patos, Dr. Ivanes Lacerda (Republicanos), na manhã deste sábado (6), mas até o fechamento da matéria, o gestor não respondeu às mensagens.

O espaço fica aberto para os esclarecimentos da Prefeitura de Patos.

Blog do Jordan Bezerra

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!