Início Locais Corpo de Bombeiros monitora focos de incêndios na região de Patos. Vídeo

Corpo de Bombeiros monitora focos de incêndios na região de Patos. Vídeo

Passados nove dias de incêndios na região do Sertão da Paraíba, entre os municípios de São José do Bonfim, Mãe d’Água, Catingueira e Santa Terezinha, o 4º Batalhão de Bombeiros Militar, sediado em Patos, faz um balanço positivo da atuação e orienta os produtores rurais com relação às queimadas nesta época do ano.

Segundo o major Galvão, comandante do Batalhão, quase 50 homens se revezaram durante esses 9 dias, em um trabalho exaustivo, dentro da caatinga, com o objetivo de apagar os focos de incêndio, provocado, na grande maioria, por descuido de pessoas que insistem em queimar desordenadamente suas propriedades, visando o plantio.

Com a vegetação seca, a baixa umidade e a falta de chuva nesta época do ano, se torna muito fácil as queimadas fugirem ao controle das pessoas, que, muitas vezes, só acionam o Corpo de Bombeiros após proporções gigantescas, como aconteceu agora.

Muitos moradores da zona rural temiam por suas residências próximas ao fogo, mas a ação dos bombeiros evitou que chegasse a essas moradias. “O fogo já está bem mais controlado e também longe de ameaçar algumas residências, a não ser que haja alguma inversão do vento, mas a situação está sob controle, apesar de ainda não estar finalizada”,  informou o major Galvão.

Nas proximidades da ocorrência, a Fazenda Tamanduá, no município de Santa Terezinha, mais uma vez mostra a segurança de se trabalhar de forma responsável com a caatinga. Dentro de sua área existe uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) com mais de 1000 hectares preservados e intocados. Para sua proteção, a fazenda dispõe de uma brigada contra incêndio pronta para evitar queimadas. Neste período, os pulverizadores costais molham constantemente os estercos do gado, para evitar propagação de fogo, que por ventura chegue à fazenda. Tratores também ficam preparados para qualquer eventualidade. Toda estrutura, o proprietário disponibilizou aos bombeiros se preciso for.

Mas o mais importante disso tudo é a conscientização que os moradores e trabalhadores da FT têm, para como lidar com o bioma caatinga. Uma máxima adotada por seu proprietário desde a implantação do setor de produção e cultivo.

O comandante do 3º Comando Regional de Bombeiro Militar, coronel Saulo, sobrevoou a região junto com o comandante do 4º Batalhão de Bombeiros Militar, major Galvão, e registraram imagens.

Confira:

Marcelo Negreiros – Blog do Negreiros1

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!