Início Saúde Outubro Rosa: primeira-dama da Paraíba visita CEDC e destaca importância da prevenção...

Outubro Rosa: primeira-dama da Paraíba visita CEDC e destaca importância da prevenção do câncer de mama

Foto: André Lúcio

A campanha Outubro Rosa, que incentiva a prevenção do câncer de mama, teve início nesta quinta-feira (1), no Centro Especializado de Diagnóstico do Câncer (CEDC), órgão do Governo do Estado que é referência na detecção precoce do câncer de colo de útero e mama. A abertura simbólica contou com a visita da primeira-dama do Estado Ana Maria Lins, ocasião em que dialogou com a equipe que integra o CEDC e com mulheres que estavam no local para realizar exames.

A campanha se estende durante todo o mês de outubro, mas para evitar aglomeração, devido à pandemia da Covid-19, o acesso ao CEDC não acontece com demanda espontânea, os atendimentos são regulados e agendados. Para suprir a demanda, o horário de atendimento nesta unidade – que normalmente é até as 16h – foi estendido até as 19h.

Na oportunidade, a primeira-dama Ana Lins comentou que o apoio do Governo do Estado às mulheres é prioridade, principalmente, no que diz respeito à saúde. “Muitas mulheres carentes não têm condição de ir a clínicas particulares para fazer a prevenção do câncer de mama. Por isso, o trabalho do CEDC é tão relevante, porque ele oferece atendimento gratuito e de qualidade para que todas as mulheres possam ter acesso aos exames. É importante que elas façam o autoexame das mamas, também façam a mamografia e se cuidem. A prevenção permite que a mulher descubra a doença no estado inicial, o que facilita muito a sua cura.”, frisou a primeira-dama.

A diretora geral do CEDC, Roseane Machado, enfatizou a importância da campanha e orientou que as mulheres não deixem de realizar os exames por causa da pandemia da Covid-19. “No início da pandemia verificamos que houve uma diminuição do número de consultas e exames, mas em nenhum momento o serviço fechou. Como estamos em um período de pandemia, articulamos para que o Outubro Rosa acontecesse de forma segura. Então, as gerências regionais de saúde identificaram nos municípios as mulheres que precisariam de um atendimento prioritário para o diagnóstico precoce e todos os atendimentos estão sendo regulados. Não vai acontecer aglomeração, porque elas vão vir agendadas”, garantiu.

A diretora Roseane Machado ainda afirmou que durante todo o mês de outubro será disponibilizada uma média de 1.200 a 1.500 mamografias e também aproximadamente 350 biópsias mamárias serão realizadas no Centro Especializado de Diagnóstico do Câncer. Ela destacou também que o reforço se dá devido à campanha Outubro Rosa, mas o CEDC funciona durante todo o ano, com oferta de consultas com mastologistas, realização de mamografias e de procedimentos intervencionistas guiados por ultrassonografia, entre outros.

A dona de casa Marinalva da Silva tem 42 anos e comentou que anualmente faz exames preventivos. “Eu tenho sempre a preocupação de fazer o exame de mama e outros exames, porque sei que cuidar da saúde é muito importante. O último que fiz não deu nada errado, graças a Deus. E este ano vou fazer novamente os exames preventivos e tenho fé que vai estar tudo bem”, disse.

Estimativa – O Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima que para cada ano do biênio 2020/2021 sejam diagnosticados 66.280 novos casos de câncer de mama no Brasil, com um risco estimado de 61,61 casos a cada 100 mil mulheres. Na Paraíba, estima-se 1.120 novos casos de câncer de mama para esse mesmo período, sendo 360 com ocorrência em João Pessoa. Já sobre o câncer de colo de útero, estima-se 290 novos casos para o estado e 60 novos casos para a capital.

SECOM-PB

Fotos: André Lúcio

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!