Início Policial Homem flagrado em vídeo agredindo mulher com diversos socos na Bahia se...

Homem flagrado em vídeo agredindo mulher com diversos socos na Bahia se apresenta à polícia

Carlos Samuel Freitas Costa Filho foi filmado agredindo uma mulher com socos no rosto na BA — Foto: reprodução/TV Santa Cruz

O homem que foi flagrado em um vídeo agredindo uma mulher com vários socos no rosto, em Ilhéus, sul da Bahia, e que era considerado foragido da Justiça, se entregou à polícia na tarde desta quarta-feira (21).

Carlos Samuel Freitas se apresentou na 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Ilhéus. Ele chegou ao local com três advogados.

Ainda nesta tarde, ele vai passar por exame de corpo delito. Em seguida, será transferido para o presídio da cidade. Além disso, ele deve participar de uma audiência de custódia nos próximos dias. Ainda não há data prevista.

O crime aconteceu no centro de Ilhéus. Um vídeo que mostra as agressões circulou nas redes sociais, no dia 14 de outubro. Mesmo sabendo que estava sendo filmado, o agressor não se intimidou e continuou a bater na mulher.

Carlos Samuel se apresentou com o advogado à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), em Ilhéus, no dia 15, mas foi liberado após quatro horas de depoimento. Apesar da liberação, a polícia solicitou à Justiça a prisão preventiva dele, assim como o Ministério Público da Bahia (MP-BA).

Segundo o órgão, o pedido da prisão se fundamentou “na necessidade de resguardar a ordem pública, considerando-se a gravidade da conduta concreta (exacerbada violência empregada) e a condição reincidente do autor do fato”.

Além da prisão, a Justiça concedeu medida protetiva para a vítima que aparece no vídeo sendo agredida por Carlos.

Dias depois, através de mensagem de celular, o advogado de Carlos Samuel Freitas informou que ele não iria se apresentar. Na ocasião, ele pediu a revogação da prisão do cliente. No entanto, o pedido foi indeferido pela justiça.

O advogado anunciou nesta quarta que fará um pedido de reponderação, alegando que ele se apresentou de forma espontânea.

Segundo a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Ilhéus, Carlos Samuel Freitas tem um longo histórico de agressão a ex-namoradas e mulheres da própria família, resultando em ao menos 11 boletins de ocorrência.

Veja a matéria completa no G1 BA.

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!