Início Política Vereador Zé Gonçalves só defende retorno das aulas presenciais em Patos na...

Vereador Zé Gonçalves só defende retorno das aulas presenciais em Patos na rede municipal depois da vacinação contra Covid-19 para todos

O sindicalista e vereador Zé Gonçalves (PT), afirmou que o retorno das atividades presenciais em escolas e creches da Rede Pública Municipal de Ensino de Patos, só devem ser retomadas depois da vacinação para todos, especialmente os profissionais do magistério, auxiliares de serviços, vigias e demais servidores da educação.

O sindicalista destacou que a decisão tomada hoje pelo Prefeito Nabor Wanderley foi correta no tocante ao município, mas alertou que não se faz necessário apenas organizar o ambiente físico, esquecendo o humano, que é justamente o que coloca a máquina pública para funcionar. “Precisamos sim alterar radicalmente o ambiente na maioria das escolas e creches, mas devemos antes de tudo, ver as condições dos servidores públicos municipais, onde muitos tem problemas de saúde, são idosos e não podem retornar ao trabalho sem antes tomar a vacina”, disse o mesmo.
Gonçalves disse que as escolas e creches de Patos são pequenas, com exceção das creches que foram construídas em parceria com governo federal e do Estado e as escolas passam pela mesma dificuldade, poucos espaços, sem quadras esportivas, sem locais adequados para servir a merenda, inclusive até para cozinhar, pois as cozinhas também são muito pequenas.” Defendo a continuidade das aulas remotas 100% até que todos tomem a vacina”, destacou o parlamentar.

Outra preocupação do sindicalista e vereador, diz respeito a falta de equipamento de proteção individual para os servidores, em especial para as auxiliares de serviços e merendeiras e a gestão deve aproveitar esse momento para adquirir esses equipamentos.
Por último o sindicalista defendeu que qualquer decisão deve passar a discussão pelas categorias e não apenas numa reunião entre membros da Secretaria de Educação ou Conselho Municipal de Educação. “Precisamos abrir essa discussão com todos os servidores da educação, envolvendo todas as categorias”, defendeu o vereador.

Assessoria

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!