Início Locais Prefeitura de Malta quita débito de mais de R$ 1 milhão com...

Prefeitura de Malta quita débito de mais de R$ 1 milhão com a Energisa herdada de gestões anteriores a 2011

Compartilhe!

A Prefeitura de Malta, na Região Metropolitana de Patos, quitou a dívida com a distribuidora de Energia Elétrica Energisa S/A. O débito no valor de R$1.186.000,00, é referente à dívidas oriundas de gestões anteriores ao ex-prefeito Nael Rosa.

As dívidas são de anos anteriores a 2011 (antes da gestão de Nael Rosa) e oriundas de precatórios, débitos municipais, como taxa de iluminação pública, contas de prédios públicos etc. O valor total do débito com a Energisa era mais de um milhão de reais, que foram parceladas em 120 parcelas (10 anos), pagas a partir de Novembro de 2011 e que finalmente foi quitado na gestão do Prefeito Igor Rosa.

Segundo o secretário de Finanças do município Naedy Bastos, a administração desde o período do ex-prefeito Nael Rosa e agora com Igor Rosa avança cada vez mais: “É um grande benefício para o município. Os recursos economizados, que seriam destinados apenas para pagamento de dívidas antigas, poderão ser destinados à melhorias em infraestrutura e serviços. Isso é fruto de muito trabalho, Nael Rosa herdou uma gestão do município sucateado, com defasagem em muitas áreas, dívidas e inclusive com salários dos servidores em atraso, mas com muito esforço organizamos e estamos deixando nossa cidade cada vez melhor”, disse Naedy.

Para o prefeito Igor Rosa sua gestão tem o dever e compromisso de conduzir as contas do município com responsabilidade e transparência: “A população sabe que as dívidas contraídas de gestões anteriores ao ex-prefeito Nael Rosa foram a pior herança deixada para a população. Mas Nael não mediu esforços para regularizar parte delas e agora na minha gestão sigo dando continuidade ao trabalho impecável feito por ele, que me ensinou a trabalhar sempre com transparência e responsabilidade com a gestão do dinheiro público. Vamos continuar nosso trabalho com foco, compromisso, responsabilidade, planejamento e, acima de tudo, transparência.”, afirmou Igor Rosa.

Assessoria

Deixe seu comentário
Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!