Início Saúde I Simpósio Multidisciplinar de Oncologia do Sertão começa debatendo saúde do...

I Simpósio Multidisciplinar de Oncologia do Sertão começa debatendo saúde do homem e novas perspectivas no tratamento do câncer

Diretores e profissionais do Hospital do Bem e participantes do Simpósio
Compartilhe!

A direção do Hospital do Bem, unidade referência em atendimento oncológico no Sertão Paraibano, coordenou a abertura do I Simpósio Multidisciplinar de Oncologia do Sertão realizada na noite desta quarta-feira, dia 27 de outubro. Promovido de forma híbrida (presencial e online), o evento aconteceu no Auditório da Casa de Apoio Amigas Viva a Vida, na cidade de Patos, onde estiveram presentes diversas autoridades médicas, estudantes e profissionais da área de saúde. O diretor geral do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro (CHRDJC), ao qual o Hospital do Bem está integrado, Francisco Guedes, o diretor clínico, Dr. Pedro Augusto e a oncologista Nayarah Xavier prestigiaram a solenidade. O urologista Marcílio Moreira, que falou sobre a saúde o homem, e o cirurgião oncológico da Oncoradium, Jorge Lyra, que abordou as novas perspectivas no tratamento do câncer, foram os palestrantes do primeiro dia do evento, que teve como mediador, o coordenador do Hospital do Bem, Thiago Viana.

Dr. Pedro Augusto, o primeiro a falar, parabenizou aos organizadores pela iniciativa e disse esperar que todos aproveitem e que seja “um momento enriquecedor, de conhecimento e que todos possam chegar ao final levando boas informações sobre a oncologia e sobre o dia a dia dos pacientes”. Na sequência, falou o cirurgião oncológico Dr. Jorge Lyra, um dos palestrantes da noite, que agradeceu a equipe do Hospital do Bem pela receptividade e ressaltou o papel da unidade hospitalar como polo não apenas na assistência aos pacientes, como também, para a formação e o ensino de profissionais médicos e da área de saúde na oncologia.

Dra. Nayarah Xavier, oncologista do Hospital do Bem falou de sua satisfação ao participar deste momento. “Para mim é uma satisfação muito grande poder fazer parte do que eu acredito ser um marco na ciência da oncologia no Sertão, essa terra que tão bem me acolheu e, realmente já acredito que esse é apenas o passo inicial para a realização de vários outros simpósios que com certeza haverão de acontecer. Fico muito feliz, inclusive, pelo interesse dos profissionais e estudantes da área da saúde em participar deste evento, pois sabemos que a oncologia é uma das áreas da Medicina que mais cresce e aqui a gente vai poder discutir um pouco dos temas que são excepcionais para o conhecimento de todos”, destacou.

O diretor do Complexo, Francisco Guedes encerrou as falas de abertura destacando o número de participantes do evento e falando sobre o seu potencial de crescimento. “É com muita satisfação que estamos participando deste evento, que acontece com a presença de vocês que estão aqui conosco, mas também, de um número expressivo de participantes que acompanham de forma remota de várias cidades e regiões do país, o que mostra a força deste evento que se inicia talvez com uma amplitude aos nossos olhos pequena, mas que eu tenho certeza logo estará tomando espaços maiores e alcançará um número ainda maior de participantes presenciais e online”, disse ele, lembrando que o evento registrou inscrições de participantes de 15 estados.

Após a abertura oficial o evento teve sequência com a participação do médico urologista Marcílio Moreira, que falou sobre a Saúde do Homem e os principais pontos em relação ao câncer de próstata, testículos e outros. O médico chamou a atenção dos presentes para a importância do repasse destas informações não apenas no âmbito profissional, como também dentro de ciclo de amizades e na família, pois, de acordo com ele, na maioria das vezes, o homem chega ao seu consultório, ou mesmo aos atendimentos e palestras que realiza através da intervenção da esposa ou de um filho ou filha que despertou sua atenção, ou marcou a consulta preventiva.

E encerrando a noite de abertura aconteceu a palestra do médico Jorge Lyra, cirurgião oncológico da Oncoradium, que falou sobre a importância do cirurgião oncológico para o tratamento dos pacientes, dialogando de forma simples sobre os “Princípios da cirurgia oncológica e perspectivas futuras”. Ele destacou os números relativos a oncologia no país e no mundo, lamentou o fato de que no Brasil ainda ocorre um número elevado de casos de câncer de colo do útero e ainda apresentou aos participantes as inovações e as perspectivas positivas no tratamento e na cirurgia oncológica. O I Simpósio Multidisciplinar de Oncologia do Sertão segue nesta quinta-feira (28), com palestra o dia todo.

Assessoria

Deixe seu comentário
Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!