Início Policial Delegado e policiais de Sergipe investigados por morte de empresário paraibano são...

Delegado e policiais de Sergipe investigados por morte de empresário paraibano são soltos

A equipe de agentes de Sergipe envolvida na morte do empresário Gefferson Moura, de 32 anos, foi solta nessa quarta-feira (21), após o juiz Rossini Amorim Bastos, da Comarca de Santa Luzia, ter indeferido o pedido de prisão preventiva do Ministério Público da Paraíba.

O crime ocorreu 16 de março, durante uma suposta operação da Polícia Civil de Sergipe na cidade de Santa Luzia, Região Metropolitana de Patos.

O inquérito finalizado pela Polícia Civil da Paraíba concluiu que Osvaldo Resende Neto, que é delegado, José Alonso Santana, policial civil e Gilvan Moraes de Oliveira, policial militar, além de confundirem Geffeson com outro homem, atiraram contra o empresário. Além disso, as investigações concluíram que os agentes também adulteraram a cena do crime, plantando uma arma, que afirmaram ter sido usada pela vítima.

Os agentes estavam presos desde 23 de abril, em Aracaju, quando uma decisão do Poder Judiciário paraibano decretou a prisão temporária. Os três estão sendo acusados por homicídio qualificado e fraude processual.

A defesa da família da vítima disse que vai recorrer da decisão.

Notícia Paraíba

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!