Início Gerais Criança comemora um ano de vida com festa da Branca de Neve...

Criança comemora um ano de vida com festa da Branca de Neve em hospital, na Paraíba

O primeiro ano de vida de uma pessoa é regado por muitas descobertas para os pais e para aquela pequena criança que precisa aprender a viver. Os desafios tendem a ser muitos, umas famílias com mais, outras com menos. Nesse percurso, uma doença de ordem neuropática foi responsável por conduzir Maria Vitória, às vésperas do aniversário de um ano de vida, ao Hospital da Paraíba. Com tão pouca idade, a pequena Branca de Neve, como é carinhosamente chamada, precisou passar pela Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

No tempo em que acompanhava a filha durante o tratamento, a mãe de Maria Vitória, Gerlane Martins compartilhou com um dos enfermeiros que sua filha estava prestes a completar um ano de vida e que não poderia fazer a festa por estar hospitalizada. Ao tomar conhecimento da história, a diretora médica do Hospital do Paraíba, a pediatra Geórgia Campos, reuniu a equipe e juntos planejaram a festa de um ano para Maria Vitória. “É o primeiro ano de vida de uma criança, que já passou por muitos momentos difíceis, uma família que enfrentou e vem enfrentando grandes lutas e não poderíamos deixar passar em branco”, relata.

Geórgia conta que a equipe se organizou para providenciar bolo, preparar lembrancinhas e doces. Além de ter contado com o apoio de alguns fornecedores que doaram alguns itens. “Trabalhamos para que tudo ocorresse como se realmente fosse o aniversário dela de um ano e como se a mãe fosse realizar em casa”, explica a médica, acrescentando que, devido algumas pessoas chamarem Maria Vitória de Branca de Neve, acabaram adotando o tema para festa.

Hora da surpresa – Como o período é de pandemia, o pai não estava acompanhando, apenas fazia as visitas programadas à filha. No dia do aniversário, a equipe hospitalar entrou em contato com ele. “Pedimos para ele guardar a surpresa porque iríamos fazer a festinha de Maria Vitória e conversamos se poderia vir mais cedo, já que costumava vir sempre à noite por trabalhar durante o dia. Ele se prontificou de imediato e conseguiu vir”, conta Geórgia.
Vestida de Branca de Neve e com coroa na cabeça, Maria Vitória, já no apartamento, seguiu para sala de exames como uma verdadeira princesa.  “Falamos para Gerlane que Vitória iria fazer um exame, só que na realidade estávamos levando-a para os ‘parabéns’. Estava toda a equipe reunida, o pessoal da UTI, enfermaria e todos muito felizes de poder celebrar o aniversário de Vitória”, descreve.

Emoção e Gratidão – Em um ambiente que tende a ser de frieza, Maria Vitória e seus pais encontram mais do que um espaço para tratar os problemas de saúde. Se depararam com acolhimento, cuidado, amor, atenção e humanização. “Eu não esperava pela surpresa. Fiquei muito feliz e emocionada, ia fazer a festinha dela em casa só com a família”, conta a mãe de Vitória.

Gerlane afirma que não esperava que um hospital fosse fazer isso porque nunca ouviu falar de atitudes como essa. “Meu sentimento é de gratidão. Só tenho a agradecer porque o que eles prepararam aqui não era nem o que eu iria conseguir fazer em casa. Que Deus possa abençoá-los cada dia mais”, clama com sorriso no rosto.

Realize um Sonho’ – O Projeto ‘Realize um Sonho’ é desenvolvido no Hospital do Hapvida em João Pessoa e tem por finalidade acolher de forma humanizada o paciente e a família que passa por um momento difícil dentro da unidade hospitalar. No projeto, os profissionais da unidade buscam identificar histórias e sonhos que são possíveis de realizar a cada mês.

Assessoria

Print Friendly, PDF & Email
Deixe seu comentário!