Spread the love

Morreu por volta de 8 horas da manhã desta quarta-feira, 23, de complicações de parto, na Maternidade de Patos, a dona de casa Francielma Alves Oliveira, conhecida como Sielma, de 38 anos, residente no bairro do São Sebastião. Era a sua primeira gravidez.

O parto cesárea foi complicado. Os médicos retiraram um mioma, ela teve hemorragia, seu quadro se agravou, sofreu uma parada cardíaca e não resistiu.

A criança, um menino de nome Yago, sobreviveu e está bem.

A família disse que os médicos da Maternidade fizeram de tudo para salvá-la. “Nada a reclamar da Maternidade de Patos. Só tenho a agradecer. Os médicos fizeram de tudo para salvar minha filha”, disse dona Rita Alves, mãe da senhora Sielma, avó do bebê.

Folha Patoense – folhapatoense@gmail.com

Deixe seu comentário