Início Saúde Por que aumentou a ocupação das UTIs em Patos nos últimos dias?...

Por que aumentou a ocupação das UTIs em Patos nos últimos dias? (texto de Luiz Gonzaga Lima de Morais)

Compartilhe!

O radialista Aécio Nóbrega, em seu programa Acorda Sertão, na Rádio Espinharas 97.9 FM, chamou a atenção, nesta quinta-feira, 06/05, pela manhã,para o fato de estar aumentando, nos últimos dias, o índice de ocupação de UTIs na cidade de Patos. Ao verificarmos uma planilha que andamos incrementando com os dados dos boletins epidemiológicos divulgados pela Secretaria de Saúde de Patos, vimos que o alerta de Aécio tem razão de ser. No último dia 28 de abril, tínhamos apenas quatorze leitos de UTI ocupados, sendo dois no Hospital Infantil e doze no Hospital Jandui Carneiro. Estes números foram aumentando e dobraram até esta quarta-feira, quando, o Boletim Epidemiológico dava conta da existência de vinte e oito leitos de UTI ocupados na cidade de Patos, sendo dois no Hospital Infantil e vinte e seis no Jandui Carneiro.

Estes números devem acender um alerta nas secretarias de Saúde de toda a região referenciada pela cidade de Patos. Digo de toda a região, por que o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde de Patos, pelo que estamos informados, não separa os internados, seja em enfermarias, seja nas UTIs, dividindo-os por cidade de origem. Ou seja, os números de internados nos leitos de enfermaria e nas UTIs, no Hospital Infantil e no Hospital Regional, tanto podem ser de Patos, como de outras cidades da região.

Não sei se, para controle interno, a Secretaria de Saúde de Patos, identifica quem são os doentes internados de Patos e quem são os doentes das outras cidades. Se não existe esta estatística seria interessante que se fizesse para identificar a origem de cada doente. Não que se vá distinguir e discriminar com base na origem, mas para estudar mais profundamente o que está acontecendo na saúde de cada município que tem como referência a cidade de Patos. Pode ser que o aumento na ocupação das UTIs não seja produzido pela cidade de Patos, mas por outros municípios e que eles sejam alertados para este fato, para tentar identificar porque isto está acontecendo. Um município que esteja sendo responsável pelo aumento da demanda de UTIs tem alguma coisa a corrigir.

Não queremos aqui provocar confusão, só estamos preocupados com os números das estatísticas e interessados em uma solução para algum possível problema. A pandemia é um problema de todos!

Luiz Gonzaga Lima de Morais

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!
Deixe seu comentário!