Início Política Povo sai às ruas e pede Fora Bolsonaro em Patos

Povo sai às ruas e pede Fora Bolsonaro em Patos

Compartilhe!

Neste sábado, dia 29, atendendo à convocação nacional, dezenas de lutadores sociais saíram às ruas da cidade de Patos no ato denominado: “Povo na Rua! Fora Bolsonaro”.

A atividade teve início em frente aos Correios onde lideranças populares, representantes sindicais e de movimentos sociais usaram da palavra para alertar a sociedade diante do grave momento vivido no Brasil em decorrência de ações do Governo Federal que estão acarretando danos à saúde, à economia e aos direitos do povo e dos trabalhadores.

Cartazes, faixas, bandeiras e carro de som foram utilizados para expressar a união das entidades e a insatisfação do povo com o Governo Federal. Após concentração em frente aos Correios, os presentes fizeram caminhada até o Mercado Público Juvino Lilioso, o popular Mercado da Carne, onde a palavra foi novamente facultada aos que desejavam falar. Máscaras foram distribuídas gratuitamente ao povo e todas se acabaram em poucos minutos diante da procura.

A recusa por parte do Governo Federal, que poderia ter comprado vacinas quando foi oferecida pela Pfizer, o mau exemplo do presidente Bolsonaro que nega a gravidade da pandemia, que faz piada com os mortos e segue sem os cuidados sanitários para prevenção da COVID 19, foram os pontos mais levantados no ato. Os ataques do Governo à democracia, o valor do auxílio emergencial bem abaixo do anterior, o aumento da inflação, a venda de empresas nacionais e os crimes ambientais também não passaram despercebidos no ato.

Para os organizadores, a manifestação foi exitosa e cumpriu sua função no despertar da sociedade para o grave momento social, econômico, sanitário e político que vive o Brasil após a vitória de Bolsonaro e de sua equipe de governo. Os cuidados no ato também foram destacados, pois todos usavam máscaras, álcool em gel e mantiveram distâncias seguras entre os presentes.

A atividade teve o apoio da ADUFCG-Patos, do SINFEMP, de servidores da UEPB/Patos, do Movimento de Mulheres Olga Benário e Apoena, da CTB/PB, do Coletivo Ideal, do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, do SINTEP, da Juventude do PT, do mandato do vereador sindicalista José Gonçalves, da UP, do PT, dentre outras organizações e movimentos sociais.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!
Deixe seu comentário!