Início Policial Aluno pega arma de CAC e dispara contra três estudantes em escola...

Aluno pega arma de CAC e dispara contra três estudantes em escola pública de Sobral-CE

Um aluno com uma arma atirou em três estudantes de uma escola estadual em Sobral, no Ceará, nesta quarta-feira (5). Ao menos três pessoas foram feridas, segundo a polícia. A arma utilizada no crime pertence a um CAC (Colecionador, Atirador Desportivo e Caçador).

Inicialmente a polícia havia informado que o dono da arma era pai do jovem, porém a Secretaria da Segurança negou e informou que ainda apura a identidade do CAC. Os tiros foram disparados na Escola Estadual Professora Carmosina Ferreira Gomes, no Bairro Sumaré, em Sobral.

“A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social informa que um adolescente de 15 anos, suspeito de um ato infracional análogo ao crime de tentativa de homicídio em uma escola estadual, foi apreendido com uma arma de fogo registrada no nome de um CAC (colecionador, atirador desportivo e caçador), que seria familiar do jovem”, disse a pasta, em nota.

Segundo a Santa Casa de Sobral, dois adolescentes foram baleados na cabeça e um deles está em estado grave de saúde e intubado. A segunda vítima está internada estável e a terceira foi baleada na perna e não há informações sobre seu quadro.

O atirador, de 15 anos, estuda na mesma sala de aula das três vítimas, onde cursam o 1º ano do Ensino Médio. O aluno havia ido para a aula no horário normal, levando livros e material escolar. O vigilante da escola não percebeu que ele estava com arma escondida sob o uniforme escolar. Por volta das 10h, ele fez os disparos que atingiu os colegas de sala.

A Secretaria da Educação do Ceará (Seduc) lamentou o ocorrido e informou a Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) 6, responsável pela região, adotou imediatamente as providências necessárias para socorro das vítimas e acionamento do trabalho policial.

“Os três alunos foram levados para atendimento na Santa Casa de Misericórdia de Sobral e seus familiares estão sendo acolhidos pela equipe da Coordenadoria Regional, que inclui assistente social e psicóloga”, disse a Seduc.

Ainda conforme a Secretaria, a pasta tem reforçado, constantemente, ações visando a segurança do ambiente escolar, tanto em termos físicos quanto psicológicos. Além disso, a secretária da Educação, Eliana Estrela, está se deslocando para Sobral para acompanhar a situação e prestar o apoio necessário.

Veja a matéria completa no G1 CE.

G1 CE

Deixe seu comentário
Print Friendly, PDF & Email
Comente e compartilhe!